Share, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Posted in:

A ESTRANHA ARTE DE EX-NAMORAR

Se ex-namorar fosse bom, sua cama não tava vazia e o ex ainda tava em casa...

Cast Member Brad Pitt and his wife Actress Jennifer Aniston at the Premiere of Troy, at the 2004 Cannes Film Festival, at the Palais Du Festival, on Thursday, May 13th, 2004 in Cannes, France. (SPLASHNEWS PHOTO/Mario Anzuoni)

Ref: MA 130504 C 

Splash News and Pictures
Los Angeles:   310-821-2666
New York:      212-619-2666
London: 207-107-2666
photodesk@splashnews.com

Você já ex-namorou? Hein? Cuma? Não sabe o que é isso? Deixa eu te explicar: ex-namorar é o novo “terminei, mas não quero ficar sozinho”. Ex-namorar é manter o ex-namorado – aquele mesmo que você deu um pé na bunda – por perto só para não perder aquela fodinha delivery quando a carência bater. Este povinho realmente acha que é pedindo um iFooda de domingo que se cura alguma dor do coração.

Pior é que conheço muita gente nessa situação. Gente insatisfeita com o namoro e que só reclama do cônjuge, mas morre de medo de ficar sozinha e perder aquele “quality sex”. Porque ser solteiro dá trabalho mesmo. Na savana dos solteiros, você tem que matar um leão por dia para comer alguém e ainda corre o risco de não gostar da carne. Aí essa galera totalmente indecisa, por vezes esquece disso, toma coragem e, num lampejo de sanidade, resolve acabar sua relationshit. Só que terminam, mas não largam o osso, esses catioríneos da paixão.

A partir daí, a rotina do (ex-) casal passa a funcionar assim: quem terminou se sente livre para dar seus pulos, há tempos desejados, e quem foi terminado começa uma peregrinação de joelhos atrás de quem lhe deu uma segunda chance, acreditando que se fizer tudo direitinho, a paixão voltará. Ledo engano! O terminado, ajoelhado nas migalhas do seu relacionamento, passa então a ficar a mercê da ex, atendendo a qualquer chamado não importando a hora e o local e, no meio dessa confusão toda, engana a si mesmo contando a seus amigos que “estão tentando se reconciliar”. Mal sabe ele que a outra parte já o enxerga como apenas mais um contatinho e só não o trata com desdém de imediato porque sua listinha de contatos recém-solteira não possui nenhum nome…AINDA!

Você que é adepto da prática de ex-namorar, pare agora! Ex-namorar só é bom para você, malandragem. Ex-namorar só deveria ser permitido se vocês fossem os dois últimos seres humanos na ilha de Lost. Ex-namorar é uma ofensa ao próximo e um desrespeito ao anterior. Imagine-se por um momento na pele da pessoa que estava quase superando o pé na bunda, depois de semanas de choro e reclusão, e a ex aparece em sua vida oferecendo uma fodinha disfarçada de pontinha de esperança. Você gostaria se fosse com você?

Portanto, pratique a OLX da paixão: desapega, desapega do seu ex. Ele merece ser anunciado para o mundo como solteiro e seguir em frente. E se seu problema é arrumar alguém pra transar de vez em quando, eu tenho a solução para seu caso: altere seu status do Facebook para “solteira” e aguarde a chuva de Likes e comentários. Depois disso, mande inbox para os 10 contatinhos mais interessantes e rápidos no gatilho da curtida. Aguarde. O “destino” se encarregará do resto.

Porque não existe curtida inocente. Inocente é seu ex que acredita que você se importa com ele, quando você se importa mesmo é com sua pepeca satisfeita ?

Escrito por Dr. Love

Consultor amoroso, autor do livro Melhores Técnicas do Amor (disponível na página do Machos de Respeito no Facebook) e colunista do Segunda Opinião neste blog, onde descreve suas desventuras romântico-sexuais toda 2a-feira. Outras qualidades? Corinthiano roxo, heterossexual praticante e amante de um bom...basquete.

187 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *